Banner
   
Tamanho Texto

Busca

Economia Solidária realiza reunião para interessados em aderir ao programa

Share

economia.solidaria.DP

Objetivo é apresentar como ocorre o funcionamento dos trabalhos em Londrina e quais são os critérios de participação do programa

Será realizada nesta terça-feira (9), às 14 horas, uma reunião gratuita para os interessados em participar do Programa de Economia Solidária, que é desenvolvido pela Secretaria Municipal de Assistência Social em convênio com o Programa do Voluntariado Paranaense de Londrina (Provopar-Ld). O local do evento será o Centro Público de Economia Solidária da Avenida Rio de Janeiro, nº 1.278 ( esquina com a avenida Juscelino Kubitscheck).

O encontro é aberto para pessoas maiores de 16 anos, residentes em Londrina e distritos rurais, e consiste em uma oficina de sensibilização e apresentação dos princípios e critérios de participação do Programa. As atividades serão conduzidas por técnicos do Provopar, que irão fornecer todas as informações necessárias a respeito dos trabalhos desenvolvidos no município.

Os participantes poderão tirar suas dúvidas sobre a iniciativa da Economia Solidária, que tem como objetivo promover a inclusão produtiva para a geração de trabalho e renda, oportunizando ao cidadão londrinense a inserção ao mercado de trabalho com apoio técnico, assessoria e capacitação à produção e comercialização de diferentes tipos de produtos.

Segundo o gerente de Inclusão Produtiva da SMAS, Rodrigo Zambon, os produtores que pretendem aderir ao Programa passará, posteriormente às oficinas de sensibilização, por atividades de formação e assessoria. “O produtor contará com acompanhamento técnico do Programa na região onde reside, recebendo orientações das equipes de referência, que farão a verificação das habilidades de cada produtor. A Economia Solidária é uma alternativa de trabalho e renda à população e, em Londrina, atualmente já são 200 produtores inseridos na iniciativa, distribuídos em cerca de 55 grupos de trabalho”, salientou.

Caso estejam aptos a ingressar no programa, os produtores passam a participar de ações de produção coletiva, com atividades focadas para duplas ou trios. As oficinas de sensibilização ocorrem mensalmente, e também são realizadas reuniões de comercialização envolvendo os grupos inseridos.

Além do Centro Público da Avenida Rio de Janeiro, os produtos do Programa são comercializados na Casa da Economia Solidária Café e Arte, localizada na Praça Sete de Setembro, na Rua João Cândido esquina com Piauí. As vendas também ocorrem em feiras descentralizadas, no Calçadão, no Hospital Universitário e no Restaurante Universitário, da Universidade Estadual de Londrina (UEL), além de outros eventos que ocorrem durante o ano, como a Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina (ExpoLondrina).

 

Foto: Divulgação

 

Anterior Próximo Pagina:

Acesso Fácil

Núcleo de Comunicação

Menu Principal

Quem está Online?

Nós temos 3947 visitantes

Núcleo de Comunicação

Banner
Banner