Banner
   
Tamanho Texto

Busca

Consciência Negra é tema de debates em Londrina

Share

IgualdadeRacialLJP

Prefeitura de Londrina e instituições como Ministério Público do Paraná estão realizando encontros, palestras e apresentação de trabalhos sobre o assunto

Para marcar o Dia Nacional da Consciência Negra e trabalhar questões que ainda permeiam a sociedade, como o preconceito, o racismo e a violência contra a população negra, o Município de Londrina está realizando várias atividades durante o mês de novembro. Nesta sexta-feira (9), às 11 horas, será realizada a mesa de debates sobre “O racismo institucional: segregação da população negra em Londrina”, no auditório da Unopar Catuaí, Rodovia Celso Garcia Cid, s/n.

Vão participar do encontro o promotor de Justiça do Paraná e presidente do Grupo de Trabalho de Combate ao Racismo de Londrina, Paulo Cesar Vieira Tavares, e a doutoranda em Ciências Sociais pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) e estagiária do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, Portugal (CES/UC), Mariana Panta. Também estará presente a gestora municipal de Igualdade Racial (GPPIR), Maria de Fátima Beraldo.

Os especialistas vão trazer à tona assuntos que, muitas vezes, são encobertos nas ações do dia a dia e na fala dos indivíduos, como a discriminação e o preconceito nas mais diversas relações raciais, a influência disso na segregação social urbana, a trajetória do negro e as desigualdades entre brancos e negros que permeiam ambientes como escola, família, igreja e outras instituições sociais.

O público-alvo deste encontro são os gestores de escolas municipais de Londrina. De acordo com a gestora municipal de Igualdade Racial, o convite para o debate adveio da secretária municipal de Educação, Maria Tereza de Moraes, e é de extrema importância dado o fato que a escola é um espaço onde o conhecimento, valores, princípios e costumes são construídos.

“Os educadores terão acesso às informações sobre o racismo institucional e seus impactos na população londrinense. A Mariana trará o conhecimento obtido com sua pesquisa de doutorado e o promotor Paulo Tavares abordará as questões do GT de Combate ao Racismo em Londrina. Isso é extremamente importante, porque temos na grade escolar a inclusão do ensino das relações étnico-raciais e da história e cultura afro-brasileira e africana, que está completando 15 anos em 2018. Isso vem fortalecer o trabalho de combate ao preconceito, à discriminação e ao racismo no ambiente escolar já realizado pelo Município”, explicou Fátima.

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) orienta os educadores brasileiros a divulgarem e ensinarem os alunos a valorizarem o patrimônio cultural, material e imaterial de culturas diversificadas, incluindo as matrizes indígenas, africanas e europeias de diferentes épocas.

Além desta atividade, no Município há outros encontros que serão realizados até o final de novembro e início de dezembro. Entre eles estão debates sobre genocídio da população negra, 33ª Mostra Afro-Brasileira Palmares, exposição coletiva de arte voltada para a promoção da igualdade racial, palestra sobre as políticas públicas de igualdade racial, reunião ampliada e aberta ao público do GT de Combate ao Racismo, reunião das Mulheres Negras de Londrina, 5ª Conferência Municipal de Políticas de Promoção da Igualdade Racial e lançamento de livro sobre a comunidade quilombola.

Cronograma
• 9/11 – às 9h, diretores das escolas municipais participam de debates sobre “O racismo institucional: segregação da população negra em Londrina”, no auditório da Unopar Catuaí, Rodovia Celso Garcia Cid, s/n.
12/11 – das 18h às 22h, Mesa de debates sobre Genocídio da População Negra no II Simpósio da Comissão de Promoção da igualdade racial e Minorias da OAB Londrina, na sede da OAB Londrina, na Rua Governador Parigot de Souza, 311 - Jardim Caiçaras.
Até 15/11, 33ª Mostra Afro-Brasileira Palmares, exposição coletiva de arte voltada para a promoção da igualdade racial, na Biblioteca Pública Municipal Pedro Viriato Parigot de Souza, localizada na Avenida Rio de Janeiro, 413.
19/11 – das 18h às 22h, acontecerá a Plenária de Mulheres Negras de Londrina e Região, no auditório da Prefeitura de Londrina, sob a coordenação da Gestão Municipal de Igualdade Racial (GPPIR) e com a participação dos Conselhos Municipais de Igualdade Racial de Londrina e de Cambé.
22/11 – palestra sobre as políticas públicas para a população negra em Londrina com a Gestora Municipal de Igualdade Racial, Maria de Fátima Beraldo, para alunos da pós-graduação em Geografia da Universidade Estadual de Londrina, no auditório da Prefeitura de Londrina.
27/11 - das 9h às 12h, na Casa Dona Vilma – NEAB UEL, reunião ampliada do GT de Combate ao Racismo do Ministério Público do Paraná, com apresentações de trabalhos das pesquisas de mestrado e doutorado da Universidade Estadual de Londrina (UEL)
28/11 – às 19 horas, lançamento do livro “Comunidade Quilombola Manuel Ciriaco dos Santos – identidade e famílias negras em Movimento”, na sede da OAB Londrina, na Rua Gov. Parigot de Souza, 311 - Jardim Caiçaras.
1º de dezembro - das 8h às 17h, no auditório da Prefeitura de Londrina, será realizada a 5ª Conferência Municipal de Políticas de Promoção da Igualdade Racial.

Foto: Arquivo

Anterior Próximo Pagina:

Acesso Fácil

Núcleo de Comunicação

Menu Principal

Quem está Online?

Nós temos 4911 visitantes

Núcleo de Comunicação

Banner
Banner